reciclagem

Moodboard

por Mariana Lombardi - 28 de fevereiro de 2012

Quando vi esta foto me lembrei de um post sobre casas de cachorro onde mostramos várias ideias bacanas para acomodar os bichinhos de estimação. Aqui a ideia é simples, barata e ecologicamente correta (já falamos sobre isso aqui): aproveitar a caixa de madeira e transformá-la numa charmosa caminha, com almofada em tecido estampado + detalhe fofo de coração! ♥

Foto: Decoratrix

FALANDO NISSO…

Não tenho gatos – e achava que eles nem usavam caminhas – mas pelo que me informei eles gostam é de lugares gostosos, quentinhos e confortáveis! Então, se a caminha que você escolher for assim, eles vão amar – e usar! Vejam algumas opções que encontrei:

Fotos e mais informações sobre os modelos acima: moderncat e Ifitshipitshere

Lembre-se: prefira tecidos laváveis e/ou impermeáveis, pois são mais resistentes. Veja aqui uma reportagem da revista Casa e Jardim com várias dicas para quem tem bichos em casa.

Comente Aqui (0)

Reciclagem

por Mariana Lombardi - 20 de novembro de 2011

Algumas regrinhas básicas para quem quer fazer a diferença e proteger a natureza:

* Economize papel. Estima-se que para cada 100kg de papel reciclado são poupadas 60 árvores.

* Lâmpada fluorescente consome 80% menos energia que uma lâmpada incandescente e dura 10 vezes mais.

* Banhos que duram 15 minutos ou mais são ecologicamente incorretos, gastam-se em média 243 litros de água.

* Com o sistema de energia solar para aquecer água gasta-se 30% menos energia elétrica. Com a economia na conta de luz, o investimento desse sistema se paga em dois anos.

* Banhos que duram 15 minutos ou mais são ecologicamente incorretos, gastam-se em média 243 litros de água.

* Não escove os dentes com a torneira aberta, o desperdício de água chega a 12 litros por vez. Na cozinha, ensaboe toda a louça antes de abrir a torneira para o enxágue.

* Prefira produtos de limpeza biodegradáveis e que não agridam o meio ambiente. O cloro da água sanitária gera poluentes que prejudicam a flora e a fauna. Evite aerossóis com CFC, gás responsável pelo buraco na camada de ozônio.

* Não compre e nem cozinhe mais alimentos do que vai consumir. A maioria do lixo das cidades é sobra de alimentos. O lixo úmido (restos de comida) deve ser separado do seco (plásticos, vidro, latas, papéis e metais). O material reciclável deve ser posto em sacos transparentes, para facilitar a identificação. –> já falamos sobre lixeira seletiva aqui!

Fonte: Ibratele.

Falando nisso…

Lembrei de alguns ambientes onde velhas caixas de madeira foram reaproveitadas na decoração. Ideia boa, bonita, barata e sustentável!


Fotos: decoratrix, desire to inspire, we heart it, kika reichert, made by girl.

+ sustentabilidade

Comente Aqui (6)

Lixeira seletiva

por Mariana Lombardi - 13 de abril de 2011

Esta semana brinquei no twitter que estava na “Semana da Sustentabilidade“. Já percebeu o quanto é difícil fazer o que se fala? Todo mundo discute sobre cuidar do planeta, mas pouco é realmente feito. É claro que cada um tem que contribuir um pouquinho para essa mudança, mas ainda acho tudo tão difícil.

Sem falar que O sustentável ainda é muito caro. Numa obra, por exemplo, o resultado fica lindo, mas o alto custo do processo de produção dos materiais ecologicamente corretos deixa o preço inviável para a maioria.

O meu maior problema são os papéis. Num escritório de arquitetura, por mais que tente economizar, são muitos papéis usados e jogados fora no dia-a-dia. E revistas acumuladas? Vááárias! Aí, decidi saber como reciclar tudo isso e fazer a minha parte!

Em Brasília, a Capital Recicláveis (que faz a coleta na minha região) só recolhe a partir de 200 kg, mas pode-se levar na empresa e eles pagam na hora apenas20 centavos o kg de papel branco, 10 centavos o kg de papelão e 6 centavos o kg de papel colorido, revistas e jornais.

Confesso que achei muito trabalhoso… vou continuar a fazer o que é mais fácil: a coleta seletiva de lixo. Uma ação simples e que pode fazer grande diferença para as próximas gerações!

Você tem lixeira seletiva em casa?

Selecionei algumas (são muitas opções disponíveis):

Na Etna tem este modelo feito de plástico que não é muito grande e além de tudo é bem charmosa. Uma ótima opção para começar a se educar em casa! Custa 99,00 e vende aqui.

Lixeiras coloridas que podem ser usadas juntas, mas são independentes. / Ou uma ideia simples: comprar lixeiras coloridas e usá-las em conjunto.

A Brinox tem lixeiras seletivas feitas em aço inox para todos os tipos, identificadas em suas respectivas cores. Apesar de ser uma linha mais profissional, o design é bem bonito e dá pra ter em casa numa boa. Custa 264,00 cada e vende aqui.

Agora me conta, o que você tem feito para contribuir?

Chega no supermercado com a sua ecobag?  Usa caixas de papelão no lugar de sacolas plásticas? Compra produtos biodegradáveis? …

Comente Aqui (4)