projetos de apartamentos

Apartamento de 65m²

por Mariana Lombardi - 14 de maio de 2010

Localizado em Londres, o apartamento tem uma planta bem comprida e estreita, com apenas duas janelas e um grande corredor que liga os cômodos. A solução encontrada pelos arquitetos foi tentar aproveitar o máximo da luz natural com um interessante jogo de espelhos. Luz natural refletida = sensação de espaço maior!

Um grande armário com portas de espelho foi projetado para esconder tudo, desde móveis e equipamentos até as roupas e os objetos de uso do dia a dia. Tudo muito prático e organizado, dando a sensação de que o espaço é mais largo.

Aqui surge a mesa composta por uma plataforma dobrável e giratória que antes estava embutida no móvel. Cadeiras Panton brancas complementam a decoração moderna e flexível, totalmente necessária onde os espaços são limitados.

O apartamento visto de outro ângulo. Na parede em frente ao espelho fica a cozinha toda acoplada num móvel.

Cozinha toda branca com acabamento brilhante, bem minimalista. Detalhe para a chaleira de cone em aço inox do Aldo Rossi para Alessi, lindona! Ah, olha como são simples e bonitos os acabamentos para interruptores e tomadas de lá! Dá vontade de chorar quando comparo com os nossos aqui do Brasil!

As superfícies todas brancas combinadas com os espelhos aumentam muito o “tamanho” do apartamento e escondem tudo o que polui o visual, inclusive a porta do banheiro.

Mesmo no banheiro tudo é bem claro. O mosaico floral de pastilha é uma das poucas exceções de cor na decoração.

Os armários com espelhos também cobrem uma parede do quarto. Na cabeceira, um outro espelho cria mais um dos muitos jogos de reflexos do apartamento.

Mais duas visões do quarto, pequeno e ampliado graças ao uso dos espelhos.

Projeto Mackay and Partners.

+ projetos de apartamentos

Comente Aqui (16)

Cobertura na Lagoa

por Cris Campos - 18 de abril de 2010

Essa linda cobertura tem localização privilegiada no Rio de Janeiro, de onde se admira, além da Lagoa Rodrigo de Freitas, o Morro Dois Irmãos, com a Pedra da Gávea ao fundo e um pedacinho de mar. Desenho e decoracão simples, mas com materias sofisticados e móveis de design assinado, o resultado não poderiam ser melhor.

O terraço recebeu guarda-corpo em vidro temperado com perfis de aço inox, bem leve, permitindo a vista total da lagoa.

As esquadrias em aço inox, com dimensões generosas, correm todas para um mesmo lado, permitindo uma total integração da sala com o terraço. Assim, quando as portas estão abertas a sala faz às vezes de varanda. Mas mesmo fechadas, permitem essa integração o exterior com o interior, que fica sempre bem iluminado. Gosto muito do aspecto das esquadrias em aço inox, acho o material limpo e moderno, além de permitir essas grandes aberturas.

A decoração é bem minimalista. O móveis tem desenho moderno, em linhas bem retas. Destaque para os dois exemplares, ao fundo, da poltrona Diz, de Sérgio Rodrigues, vencedora do prêmio MCB em 2006 na categoria mobiliário. Poucos e bons móveis e quase nenhum adorno. Também, quem precisa de enfeite com uma vista dessas?

Aqui a sala vista da varanda. A única parede foi inteira revestida em madeira. Além de disfarçar um pouco a TV, o ambiente ficou mais aconchegante. Só senti falta de umas plantinhas na varanda… merece! Sala e varanda receberam o mesmo piso, mármore travertino, deixando tudo ainda mais integrado.

O quarto segue o mesmo princípio de integração da sala, com as grandes esquadrias que se abrem para a lagoa. Nada mal acordar e dar de cara com essa vista, né? Atrás da cama, a parede recebeu um revestimento com laminado de madeira como a da sala, mas com outro desenho. Também minimalista e igualmente lindo!

A vista continua pelo banheiro, com um janelão aberto sobre a banheira. Gosto muito do desenho desse banheiro, bem simples, mas com uma composição de materiais que tem tudo a ver com a proposta do restante do apartamento. Piso e paredes em cimento queimado, bancada em Corian e cuba de vidro, com o espelho solto da parede. Gostei demais!

Projeto André Piva. Fotos: site do arquiteto

+ projetos de apartamentos

Comente Aqui (2)

Cobertura na Vieira Souto

por Cris Campos - 20 de março de 2010

Essa cobertura no Rio de janeiro é de tirar o fôlego. Localizada no 10º andar de um prédio na Vieira Souto, em frente ao mar de Ipanema, de onde se avista à direita o morro Dois Irmãos e à esquerda a pedra do Arpoador. A cor azul quase não foi usada na decoração, mas ela predomina, efeito da perfeita integração do interior com o exterior, que nesse caso é nada menos do que o céu e o mar, que emolduram e invadem os ambientes.

A base dessa decoração minimalista é o uso de materiais naturais como o mármore travertino bruto no piso do living e o deck de madeira na varanda. Essa foto do living passa uma sensação de continuidade do mar com o deck de madeira na varanda e piso em mármore travertino, que tem a cor da areia. Ficaria horas sentada nessa chaise, esquecendo a vida e olhando o mar!

Os poucos móveis têm desenho contemporâneo e neles predomina o branco do linho que reveste os sofás e a madeira das mesas e poltronas, que aquece os ambientes. O clima é de verão o ano inteiro!

Na foto da esquerda, o mar serve de fundo para a escultura em forma de peixe, do Ceschiatti. A mesa em madeira trabalhada foi projetada pela própria arquiteta. Na foto da direita, a escada revestida em mármore travertino com guarda-corpo em vidro.

Com tudo isso, ainda tem uma piscina… Localizada na cobertura, ela tem o piso em vidro e é estruturada pelo pergolado que cobre o living e já existia no projeto original. Na reforma, a arquiteta aumentou os quadrados do pergolado. O resultado é o desenho sinuoso do reflexo da luz filtrada pela piscina, no andar de baixo, além da integração, mesmo em pavimentos diferentes, da sala com a piscina.

O apartamento em si já ajuda muito. A localização é perfeita! Pra mim essa vista é a mais bonita do mundo. A planta é excelente, permitindo toda essa integração. O pé direito de 4 metros é um sonho em um apartamento. Mas essa reforma, com certeza, seria um desafio para qualquer arquiteto, já que o projeto original, dos anos 70, é de Sérgio Bernardes, um dos ícones da arquitetura brasileira. A arquiteta Lia Siqueira o fez com maestria, provando a sofisticação que há dentro da simplicidade, traduzindo com perfeição o ensinamento de Mies van der Rohe, de que menos é mais. Aqui menos decoração é uma maior visão desse cenário deslumbrante. Assim eu gosto muito!!!

Projeto: Lia Siqueira / Fotos: Revista Casa Vogue – digitalizadas

+ projetos de apartamentos

Comente Aqui (3)