Casa no Interior de São Paulo

por Cris Campos - 10 de abril de 2010

Casa as margens da represa de Ibiúna, interior de São Paulo.

Essa casa foi projetada para abrigar uma família com três adolescentes, que curtem esportes náuticos e a vida ao ar livre. Espaçosa e prática, onde todos os ambientes são bem aproveitados, a arquitetura foi concebida tirando partido das linhas retas e da simplicidade e padronização dos materiais de acabamento. O diferencial dessa casa, que confere a ela uma linguagem contemporânea, é exatamente o revestimento das paredes internas e externas: o tijolo queimado. Gosto muito dessa unidade de acabamentos em todos os ambientes, acho que da a impressão de uma integração maior ente o interior e exterior. Além disso, o material e tão bonito que dispensa mais decoração para as paredes.

Grandes portas de vidro integram a casa com a belíssima paisagem da represa. A piscina tem dimensões generosas, 5×17,5m, e foi revestida em pastilha cerâmica Jatobá. A água e reciclada por meio de filtro, evitando desperdício. Nas laterais, um degrau interno forma um banco.

A sala de estar, com pé-direito duplo, se prolonga pra varanda através das amplas esquadrias de alumínio e vidro, com 2,80×3,00m. O piso foi executado em cimento polimérico, um material impermeável, fácil de limpar e resistente a impactos.

A  lareira na sala deixa o ambiente mais aconchegante para ser usado em dias frios. A chaminé é camuflada pelos tubos de aço inox, o que dispensou rasgos na parede. Confesso que acharia mais bonito se fosse embutido, acho que os tubos chamaram muita atenção na parede tão clarinha. A escada, bem leve, tem inspiração náutica e foi executada em alumínio com piso de madeira. Recebe iluminação natural através de uma clarabóia.

A porta pivotante, com estrutura metálica e réguas de cumaru, vira um painel quando fechada. Na área intima a opção para o piso foi um carpete de madeira que, por ser um piso quente, funciona bem para os quartos. Nessa foto da pra ver os tijolos mais de perto. Apesar de ser um material simples, aqui ele tem um efeito bem sofisticado. Os blocos aparentes, depois de impermeabilizados, receberam uma fina camada de pátina.

Projeto de João Armentano.

Fotos: site casa

Comente Aqui (1)
Comente Aqui

  1. Marry
    11 de abril de 2010 às 19:58

    AMEI aquela porta. Quero uma agora!!! Entra ela no AP e sai eu e o marido!!!