Mesas de Centro (2) | assim eu gosto
Mesas de Centro (2)
Postado Por - 22 de julho de 2013

—-> continuação de Mesas de Centro. Mais uma seleção de fotos com móveis lindos e muitas ideias para decorar. Inspirem-se!

Patricia Martinez ArquiteturaMesa de laca branca e decoração minimalista com poucas e boas peças – uma escultura faz toda a diferença! Projeto de Patricia Martinez.

christina-hamouiAdoro o recurso de usar duas mesas menores formando um par, como as dessa sala. Além disso elas são lindas – pé de metal e tampo de vidro preto. Na decoração, um lindo conjunto de vasos que se destaca, além dos livros de capa bonita. Projeto Chistina Hamoui via Casa de Valentina.

paola_ribeiro (4) Na mesa de madeira com pés de cavalete, um charme! Na decoração, as duas peças grandes se equilibram e os livros complementam. Projeto de Paola Ribeiro.

Kwartet Arquitetura cv Amo esse modelo de mesa com madeira embaixo e vidro em cima, dá pra colocar mais objetos em baixo e deixar em cima mais livre para servir de apoio. Nessa decoração, muitos livros bonitos, caixas e vasos de murano. Um vasinho com plantas sempre complementa bem também. Projeto de Kwartet Arquitetura via Casa Vogue.

in house (11)Lindo esse conjunto com três mesas dispostas de forma simétrica. Na decoração, muitos livros e algumas peças de destaque! Projeto In House.

in house (6)Amei essa ideia – uma mesa rústica de madeira em baixo e a de vidro, bem leve e neutra, por cima, servindo de apoio. Poucos objetos decorando para não esconder os móveis. Projeto In House.

da_sala_mulherterra_4Dupla de mesas de laca branca com vidro e uma decoração linda com cores neutras: bandejas de madeira, castiçais de prata e flores brancas, lindo demais!

brentwoodUm conjunto de vasos com flores decora essa mesa de madeira e espelho – ideia simples com um super efeito, amei! Via Brentwood.

camila-valentiniCharmosinha essa mesa redonda de laca preta! Como ela é pequena, um vaso com arranjo bonito e um livro foram suficientes para decorar. Projeto Camila Valentini via Casa de Valentina.





Mesinha redonda
Postado Por - 31 de janeiro de 2012

Um móvel super versátil e que pode ser usado em diversos ambientes, para cumprir as mais variadas funções, é a mesinha redonda. Existem diversas opções disponíveis no mercado e o tamanho geralmente varia de 40cm a 60cm.

Um dos usos mais comuns da mesinha redonda é vê-la como mesa lateral do sofá. Neste caso, uma dúvida comum é se ela precisa combinar com a mesa de centro. Não precisa! Elas podem ter materiais e desenhos diferentes, depende do estilo da sua sala. Observem nas fotos acima, a maioria tem alguma coisa que lembra a mesa de centro, mas não necessariamente são iguais.

Uma outra opção interessante para a mesinha redonda é usá-la como apoio na frente do sofá. Neste caso, ela deve ser leve e pequena para facilitar o deslocamento. Gosto muito da mesinha Saarinen e de banquetas, tipo garden seat.

Ao lado de uma poltrona, a mesinha redonda pode servir de apoio para enfeites e objetos, como vasos de flor e abajures, sem ocupar muito espaço e prejudicar a circulação. Vejam outras ideias em Cantinhos de Leitura.

Usada como criado-mudo, a mesinha lateral deixa o ambiente mais leve e é uma boa escolha para cabeceiras apertadas.

Tão importante quanto a escolha da mesa são os enfeites que ficam sobre ela. Flores, porta-retratos, aromatizadores e abajures são boas escolhas. Use de acordo com o tamanho da sua mesinha, respeitar a proporção é fundamental!

+ salas de estar





Mesas de Centro
Postado Por - 21 de novembro de 2011

As mesas de centro são muito úteis como  apoio na hora de receber, mas são  também elementos fundamentais que complementam a decoração e expõem adornos, flores, livros e outros objetos decorativos, conferindo estilo e personalidade. Aqui vão algumas dicas para orientar a escolha dessa peça!

{MEDIDAS}
O tamanho da mesa de centro deve ser proporcional ao espaço disponível. Em salas pequenas, elas são dispensáveis, sob pena de atrapalhar a circulação. Já nos ambientes maiores, elas são essenciais para preencher e apoiar.
O afastamento entre a mesa de centro e o sofá deve ser de 60 a 80cm. Assim, elas  ficam proporcionais, não atrapalham a passagem e facilitam o apoio a quem está sentado.
A altura da mesinha deve acompanhar a do assento do sofá.  Com sofás baixos, elas devem ter entre 25 a 30 cm de altura. Sofás convencionais pedem modelos entre 30 e 38 cm. Mas os modelos mais baixinhos são os mais atuais…
{MATERIAIS}
O material não precisa ser o mesmo que predomina na sala. Na verdade, é melhor  usar um material diferente, para tornar a decoração mais interessante. Cada um tem suas particularidades, e a escolha depende do efeito que se quer alcançar.

A madeira se destaca em bases mais claras, e tem a função de aquecer a decoração, deixando a sala mais aconchegante. Fica bem com qualquer tipo de adornos, desde os mais neutros ao mais coloridos.

O vidro é neutro e combina com qualquer estilo de decoração, dá leveza a decorações mais pesadas, e têm a vantagem de não esconder o tapete. As mesas de vidro pedem objetos que se destaquem, com mais textura ou cor.

O acrílico tem as mesmas vantagens do vidro, e é uma escolha bem atual. É  um material moderno, mas cria um contraste  bem interessante em decorações mais clássicas, como nessa sala da Ana Maria Vieira Santos. É ainda uma opção segura para casas com crianças…

As mesas de espelho dão um toque bem contemporâneo a qualquer decoração, gosto demais dessa opção! Já mostramos outros móveis revestidos com espelho aqui! Nos adornos, o ideal é usar peças opacas, como livros, caixas de madeira…

A laca já virou um clássico para as mesas de centro. A branca é básica e combina com decorações naturais, fazendo contraste com a madeira. O extra brilho – efeito piano – é o acabamento mais atual. A laca chocolate e a preta combinam com decorações contemporâneas e as coloridas são ideias para decorações despojadas. Amo todas! 

Todos esses materiais são interessantes, o ideal é escolher a mesa de centro que mais combina com o estilo da sua casa, e arrumá-la com todo capricho…

{COMO ARRUMAR A MESA DE CENTRO?}

Essa é uma dúvida frequente, e não existe uma fórmula ideal, mas algumas dicas são preciosas…

- Em primeiro lugar, selecione peças bonitas e que mereçam ficar no ponto central da sua sala: vasos, bandejas, livros de capa bonita, caixinhas, objetos de coleção…Ah! E arranjos de flores, eles fazem toda a diferença!

- Dê preferência a peças baixas, que não atrapalhem a visão. Coloque apenas algumas de altura média, para criar uma volumetria.

- Distribua os objetos de forma organizada, simétrica e proporcional, e lembre-se que eles deve ser vistos de todos os ângulos.

- Observe com cuidado como as mesas das fotos foram arrumadas, e vai testando até chegar em um resultado que te agrade!

……………………………………………………………………………………………………………………………….

Imagens: site dos profissionais, revista Casa Vogue, Casa de Valentina, Loony Magazine, revista Lush, MCA estúdio, Casa e Imóveis, Vogue UK.

+ salas aqui





Bate papo
Postado Por - 01 de junho de 2011

Chamamos de “bate papo” a composição formada por poltronas giratórias dispostas ao redor de uma mesa baixinha. O nome não é aleatório, esse layout charmoso e despojado favorece as conversas informais, já que as pessoas ficam sentadas confortavelmente de frente umas para as outras. Infelizmente essa ideia não cabe em qualquer projeto, já que ocupa espaço com poucos lugares, mas quando é viável, se torna o espaço mais concorrido da sala.
Ambiente sofisticado com poltronas em couro branco ao redor de uma mesa de madeira ebanizada. Projeto: Roberto Migotto. Foto: site do profissional.

Cobertas com capas soltas, essas poltronas reforçam a ideia de um ambiente mais despojado. A mesa de madeira se destacou em meio ao cinza predominante. Projeto: Roberto Migotto. Foto: site do profissional.

Essa varanda ficou super aconchegante com a proposta de um “bate papo” com seis poltronas. As banquetas verdes de desenho moderno entre elas servem de apoio e criam um contraste com a mesa de centro rústica. Projeto: Thiago Manarelli e Ana Paula Guimarães. Foto: Revista Casa Mix.

Poltronas mais tradicionais também funcionam bem nessa proposta e favorecem o conforto. Projeto: Denise Zuba. Foto: site da profissional.

As poltronas em fibra natural e a mesa rústica tornaram esse ambiente ainda mais aconchegante. Projeto: Cybele Barbosa. Foto: site da profissional.

As poltronas Gôndola em couro branco são modernas e combinam com qualquer tipo de decoração. Adoro a proposta da luminária de pé iluminando esse ambiente. Projeto: Cybele Barbosa. Foto: site da profissional.

Móveis modernos e ambiente aconchegante. Mais uma vez a luminária de pé é um charme a mais. Projeto: Roberto Migotto. Foto: site do profissional.





Livros na decoração
Postado Por - 30 de maio de 2011

Livros são ótimos objetos de decoração, funcionam para preencher a estante, o aparador, a mesa de centro, a mesa lateral… servem de apoio para pequenos objetos… Mas para serem decorativos o ideal é que tenham a capa dura e bonita, além disso, seus temas devem despertar curiosidade e ter relação com a história dos donos da casa.

Acho nada a ver quando pego um livro na casa de alguém e a pessoa nem sabe me explicar o “seu motivo”, o porquê dele estar ali… Nada melhor do que livros bonitos, bem organizados e que sejam também uma leitura interessante ou um pouco da história de quem mora ali. Não acham?!

Por exemplo, na viagem para NY comprei o livro do Alexander McQueen que estava a venda na sua exposição do MET. A capa é 3D e achei super diferente, o preço estava bom e além disso amei um dos seus vestidos cuja foto está no livro. Outra sugestão para viagens é comprar livros sobre a cidade, nos museus sempre têm. Algumas amigas compraram este aqui (sobre NY), as fotos são lindas e mostram vários pontos turísticos da cidade num antes e depois bem legal.

A verdade é que livros decorativos são caros! Lá fora o preço é menor, mas são super pesados para trazer um monte na mala da viagem. A dica é comprar pelo site da Amazon.com. Eles têm uma variedade enorme de títulos e entregam no Brasil. A boa notícia é que não é cobrada taxa de importação sobre livros e o preço fica bem menor do que nas livrarias.

Procure pelos temas que mais tem a ver com você, cores e tamanhos que se combinam facilitam a organização.

Esta é a estante da fábrica da Farm, a maioria dos livros foram organizados na horizontal, formando pequenos grupos, e misturados com alguns objetos decorativos que têm a ver com o estilo da marca. (via Bia Perotti)

Outra opção, como neste nicho, é alternar livros na vertical e na horizontal, misturando com alguns objetos maiores. (schoener-wohnen)

Na horizontal, organize os livros tipo pirâmide com os maiores na base e vá subindo, como neste aparador. Lembre-se de deixar os títulos voltados para fora, de maneira a facilitar a procura e também porque visualmente fica mais bonito. (Casa e Jardim)

No aparador do hall de entrada, os livros podem estar juntos de porta-retratos e quadros. (Lovely Home)

Nas mesas de centro ou laterais, coloque pequenos objetos sobre os livros empilhados horizontalmente. (Casa Cláudia)

Livros com cores ou temas semelhantes formam composições muito mais interessantes. (Casa Cláudia)

No quarto, geralmente os livros ficam no criado-mudo, mas neste caso eles foram colocados no banco ao pé da cama e assumiram um papel decorativo e criativo. Projeto Fernando Piva para a Casa Cor São Paulo 2009.

A maneira mais ousada: livros mais grossos e resistentes viraram mesa de apoio, formando uma escultura! A mesma ideia pode funcionar para fazer pequenas banquetas. (via house to home)

Veja também: como arrumar estantes / nichos / aparadores






Diariamente, recebemos vários comentários e emails pedindo dicas ou soluções para algum detalhe específico. Tentamos responder à maioria, mas é impossível atender a todos imediatamente. Então, se você deixou algum recadinho por aqui, ele será respondido ou um post será feito pra deixar tudo bem explicado!